Agricultores e empreendedores do Bungo reembolsam crédito

Bungo – Vinte e um milhões de kwanzas dos 38 milhões disponibilizados em crédito em 2013, pelo Fundo Soberano de Angola, a dez agricultores e 138 empreendedores do município do Bungo, foram já reembolsados.

O programa, implementado em 2013 na referida circunscrição, visou a apoiar acções relacionadas com a identificação civil, empreendedorismo juvenil e agricultura.

No município do Bungo, o programa é implmentado pela empresa JMJ  em parceria com administração municipal local.

De acordo com a responsável da empresa JMJ, Rosa Batalha, que falava neste sábado durante o primeiro aniversário da associação local de pequenos agricultores, o valor reembolsado ronda 70 por cento do montante entregue.

Informou que dos 138 beneficiários, maioritariamente jovens, 68 são mulheres.

Durante os quatro anos de implementação do programa, a empresa JMJ capacitou os beneficiários em matérias ligadas à gestão, criação e fomento do negócio.

Por sua vez, o administrador adjunto do Bungo, Toto André Faitoma, explicou que em Janeiro de 2015 os empreendedores receberam a primeira formação e um ano depois foi a vez dos agricultores.

Sem precisar o tempo que resta para os empreendedores e agricultores liquidarem a dívida, Toto André Faitoma avançou que os beneficiários têm sabido honrar de forma simples e fácil com as suas responsabilidades, permitindo associar novos elementos ao projecto.

O município do Bungo possui 40 mil habitantes distribuídos em 60 aldeias e 12 regedorias. A população sobrevive da agricultura e do comércio em pequena escala.

Via Angop

Comentário

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*