PN desmantela grupo integrado por duas meninas no Uige

Imagem de arquivo

Uíge – Um grupo de supostos marginais, integrado por oito elementos, dos quais duas meninas, que se dedicava a assaltos, roubo, furto e violações, sobretudo nos bairros Candombe Velho e Papelão, foi desmantelado pela Polícia Nacional na cidade do Uíge.

Os delinquentes foram detidos no período de 12 a 22 de Maio e actuavam sobretudo nos bairros periféricos da capital da provincia. Em sua posse foram encontradas duas armas AKM, uma caçadeira de fabrico artesanal, pistola, botija de gás, televisor plasma e três motorizadas.

Integram o grupo “Parte Pernas”, dois menores de 12 e 13 anos de idade.

No período em análise, a Policia Nacional prendeu outros dois supostos marginais que se dedicavam ao tráfico de estupefacientes (liamba), dois acusados de furto e um de homicídio voluntario por envenenamento.

A informação foi prestada hoje, quarta-feira, pelo director em exercício do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa da Delegação do Interior (MININT) no Uíge, quando apresentava 13 cidadãos acusados de crimes diversos nos bairros Candombe Vellho, Papelão, Ana Candande, Bem-Vindo e outros dos arredores da capital provincial.

Zacarias Fernando referiu que o caso de homicídio voluntário por envenenamento de um indivíduo de 51 anos de idade, ocorreu em 2017 no bairro Quilala, periferia da cidade do Uíge, presumindo-se que questões passionais estivessem na base do sucedido.

O crime que aconteceu em 217, foi esclarecido pela polícia, depois de uma denúncia de um cidadão que ouviu o autor material do crime ter revelado aos amigos, sem saber da presença de alguém com ligações à vítima.

O caso foi já entregue ao Ministério Público.

Via Angop

Comentário

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.