Gabinete Provincial da educação assume erros e afirma não ter pago os subsídios

Por Jeremias Kaboco

Uíge, 11/08 (Wizi-Kongo) – O Gabinete Provincial da Educação na província angolana do Uíge, esclareceu nesta terça-feira 10/08 aos parceiros sociais de que houve erros e afirma não ter pago o subsídios de exames referente ano lectivo 2019.

O encontro de esclarecimento que decorreu na sala de reuniões do Gabinete Provincial da Educação nesta terça-feira 10, por volta das 15 horas e presidiu o acto de esclarecimento a titular daquele gabinete Mpasi Mafuta Nova, chefe de departamento do dos recursos humanos da Educação, SINPROF, SINPTENU, UNTA-CS, APA e 3 membros representantes dos subscritores da carta de protesto.

A mandatária deste gabinete, informou que o andamento do processo está a bom caminho e provavelmente que no final do corrente mês (Agosto) poderá se dar encerrado o assunto.

O professor Sungo Salamau “Adams”, um dos representantes dos professores que tenham vindo a protestar, disse que a calma e a paz do assunto depende de como vai ser encerrado, e o que mais se espera da conclusão é o ver os valores nas contas dos professores que são os legítimos proprietários.

Já o representante da UNTA-CS, lamentou o facto de terem os recebido os telefones ao entrar na sala de reuniões do Gabinete Provincial da Educação.

Comentário

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.