Provocação da JMPLA irrita UNITA e causa “rixa” no Púri

Por Alfredo Dikwiza e Matumona Rodrigues

Uíge, 30/06 (Wizi-Kongo) – Uma provocação causada pelos militantes da Juventude do Movimento Popular de Libertação de Angola (JMPLA), braço
direito do partido no poder (MPLA), contra o seu principal opositor da oposição (UNITA), culminou em forte ”rixa” no município do Púri, província do Uíge.

Sem ser convidada na festa, JMPLA, dirigiu-se no espaço escolhido pela UNITA onde iria decorrer o acto de Massas alusivo ao 46ª aniversário da Liga da Mulher Angolana (LIMA) e começou a realizar uma campanha de limpeza e embelezamento improvisado, como varrer o local, limpar e queimar o lixo, facto que irritou os elementos do “Galo Negro”, que, em seguida, ao tentarem repreende-los os homens dos “camaradas”, proferiram palavras ofensivas que não caíram nada bem a UNITA.

Com isso, a UNITA não se fez de rogado e começou uma forte discussão, que, a posterior culminou em empurrões e depois começaram as rixas com catanas, enxadas, pás e outros instrumentos de trabalho, deixando a vila do Púri em pânico durante 25 minutos.

O pior (morte) só não aconteceu, valendo a intervenção urgente da Polícia Nacional (PN) afectos ao comando municipal do Púri, que com todos os mecanismos conseguiu afastar os militantes da JMPLA e deixar os da UNITA no local da actividade.

Mas antes da PN ter chegado no local, as primeiras rixas já tinham causado ferimentos ligeiros e graves de ambas as partes, onde a UNITA teve mais ferimentos por ter sido apanhado de forma indefeso. Apesar do empese provocativo protagonizado pela JMPLA, o acto de massas alusivo ao 46 aniversário da Liga da Mulher Angolana (LIMA), foi realizado no mesmo local, sob forte protecção da Polícia Nacional, segundo testemunhou ao Wizi-Kongo, hoje, sábado, na vila do Púri.

Wizi-Kongo, tentou contactar mas sem sucessos o primeiro secretário municipal da JMPLA do Púri e a Polícia Nacional, tendo apenas por parte da UNITA ouvir o secretário para Comunicação e Marting, João Márcio, que, por sua vez, chamou de pouca vergonha a actitude tomada por parte dos “camaradas”.

Entretanto, nesta sexta-feira, no mesmo município e no local do incidente de hoje, foi realizado a 5ª Reunião Ordinária do Comité Provincial do Partido UNITA.

Comentário
Fichier hébergé par Archive-Host.com

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.