Governador quer transformação de produtos agrícolas

Uíge – O governador provincial do Uíge, Pinda Simão defendeu terça-feira, na localidade Kimbinda (município de Kitexe), 47 quilómetros a sul da cidade do Uíge, a necessidade de transformação e distribuição dos produtos agrícolas das cooperativas de Kimbinda e Kimutabi.

O governante, que falava à imprensa no âmbito da visita do ministro dos antigos combatentes e veteranos da pátria, João Ernesto dos Santos, às cooperatiiovas de Kimbinda e Kimutabi, disse que se esses produtos forem transformados e distribuídos poderão criar rendimentos para o desenvolvimento.

Pinda Simão valorizou, entretanto, o rendimento de um trabalho de pessoas organizadas em associações e cooperativas, adiantando que, cada um dos membros da associação suporta os encargos de mecanização dos solos e essa contribuição é englobada no esforço de todos osn camponeses.

Por sua vez, o ministro dos Antigos Comabtentes e Veteranos da Pátria, João Ernesto dos Santos,   depois de manifestar a sua satifação pela extensão das áreas de cultivo visitadas, garantiu apoio aos antigos comabtentes e veteranos de pátria das referidas cooperativas.

“O nosso ministério vai trabalhar para que no futuro possamos prestar apoios necessários à província do Uíge para que os nossos assistidos e a população circunvizinha possam beneficiar desses apoios”, referiu.

O ministro visitou as cooperativa de aldeias de Kimbinda, com uma área de 165 hectares, dos quais 77 hectares de cultivo de mandioca, com 61 associados, enquanto a cooperativa de Kimutabi conta com uma área de 120 hectares onde são cultivados mandioca, milho, abaxis, banana e gindungo, cuja produção é assegurada por 62 cooperantes.

As cooperativas de Kimbinda e Kimutabi distam  sete quilómetros da vila sede do município do  Kitexe.

Via Angop

Comentário
Fichier hébergé par Archive-Host.com

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*