O significado de algumas palavras de Kikongo.

Por Sabactani (*)

bh

Sukadi = açúcar, palavra derivada da lingua portuguesa como a kikongo não tem Ç e r são substituidos por S e di

Nswikidi = sucre, palavra derivada da lingua francesa como a kikongo não tem C e r são substituidos por NSw e di

Malavu ma Nsukadi vo ma zenzo = Gasosa

Malavu ma Nkadi = Cerveja.

Nsamba = devido do seu poder Benedito, de benzer, nos actos cermomiais kongo, deram –lhe o nome de Nsamba — Malavu mavananga e nsambu.

Masala – nome designado ao filho, nascendo depois do falecmento do seu pai ou a mãe após o parto.

Nsala a yanga – designa-se a alguém que ficou indicado como guia da famila

Kulodi vo vunga – Cobertor

Lele ye konda e ntona – Pessoa sem valor

Kandu – Lei,ordem ou rogando praga a alguem.

 

(*) Pseudónimo literário do autor NDOMBEL SILVA. (contacto: ndombelsilva01@yahoo.com)

Comentário

5 Comments

  1. ola muito boa tarde sou o kukusa luciano joao, Angolano os meus pais sao do uige (Damba)

    ja a muito tempo que procuro saber o significado do meu nome mas sem sucesso nem os meus pais sabem me dizer

    por favor gostaria que me ajudassem a saber o que é kukusa ou qual é o significado de Kukusa por favor
    obrigado..

  2. Luciano, bom bia, eu tbm estou na mesma situação que a tua. mas vamos ver se posso dar uma pista, não tenho capacidade de lhe ajudar nem total nem parcialmente.
    Se levarmos em conta que Nkuku, é Bisavô,agora precisa saber o sufixo posterior (sa). As vezes, como sempre os portugueses tiveram muita dificuldade em registrar nossos nomes, e acabavam modificando ou transliterando, para facilitar os serviços de Cartórios na época. (Não quero nem devo me atrever a mudar seu nome, mas (Sa-n-kuku) pode significar dos avôs dos bisavôs, dos mais velhos. ” Coisa assim para se ler, pensar e estudar”. Não tenho nenhuma especialidade nisso.
    -Devido a sua preocupação, eu estou me associando a isso.
    Agora vamos lá, o meu caso: Meu pai, também não nos contou, as origens do nome dele, e por termos vivido, nascido e crescido no período colonial muito acentuado à perseguição, nas décadas de 50/60 até 70, meus pais não puderam fugir para Kongo. Sofremos muito, e sobretudo na questão dos nomes. Meu pai,tenho a vga ideia que tenha vindo do Nstotso, ou Mbanza Tsotso, e o seu nome é Macaba, que o certo seria (Makaba). Não conheço Tsotso, dizem ser perto da Damba. Será que o nome Makaba pode ser extenso? Makaba não pode ser derivação de Kaba, Mfumu Kaba, Tata Kaba, Nkuku Kaba? Não sei, não sei e não sei. Por fim ele assinava por Pedro Macaba. Acho eu, ele veio para a cidade do Uige, no tempo em que os Mundambas levavam panos do Kongo para vendê-los nas redondezas da capital Uige, quando os levavam nas Tipoias ou simplesmente nos ombros. Ele teve dois irmãos: O mais velho, era Simeão Kangulu, e o mais novo era Domingos Nhete ou Men hete. A busca de condições de vida melhor, na época, eles desceram das regiões do Tsotso, e Damba, como sempre se fez, nas transformações de Comércio e desenvolvimento. Quero contar algo a meus filhos e estou nesse estágio, quase análogo ao seu. Um abraço meu querido irmão Luciano. Quem tiver acesso a esse relato, pode ser que Deus o tena iluminado para nos ajudar, pode entrar em contato no e-mail: macabapedagogo@gmail.com. Muito obrigado e Nzambi ka tu sambula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.