Igrejas intensificam apelos sobre medidas preventivas

Uíge – As igrejas Bom Deus e Convenção Baptista de Angola (CBA) reforçaram nesta segunda-feira, na cidade do Uíge, sede capital da província, os apelos aos fiéis das respectivas confissões religiosas para observarem com rigor as medidas preventivas contra o novo Coronavírus (Covid – 19).

Com efeito, informou à Angop o pastor da Convenção Baptista de Angola, Noé Armando, diariamente são colocados baldes (com torneira) contendo água com sabão para os fiéis lavarem as mãos antes de entrarem no interior dos espaços reservados aos cultos.

Para além dessas medidas preventivas, referiu o prelado, a  igreja vem realizando palestras com os munícipes, sobretudo em locais de maior concentração de pessoas, sobre a doença, riscos de contágio e a sua prevenção, que passa também pelo evitar apertos de mãos durante saudações.

Já o pastor da Igreja Bom Deus, Samuel  Kimbembe, explicou que, apesar do país ainda não ter registado qualquer caso positivo da doença, é necessário a população observar rigorosamente as medidas preventivas.

Nesta senda, pediu aos fiéis para acatarem rigorosamente os apelos das autoridades sanitárias, tendo em conta que a transmissão do Covid-19 depende essenciamente do contacto com pessoas infectadas, espiros ou superfícies contaminadas, como corrimão de escadas, computadores e outros.

“Vamos evitar a cultura de cumprimentar com beijos e apertos de mão”, disse o religioso.

Ainda no âmbito da prevenção da doença, o Gabinete provincial da Acção Social, Família e Igualdade no Género, em parceria com o sector da saúde, iniciou hoje (terça-feira) um ciclo de palestras no bairro Regedoria de Kigima, periferia da cidade do Uíge.

Durante a sua intervenção, a supervisora provincial da promoção da Saúde, Maria José, sublinhou que o novo Coronavirus (Covid-19) é uma doença com sintomas idênticos ao da gripe e que causam infecções respiratórias em seres humanos, semelhantes a um resfriado comum.

Via Angop

Comentário
Fichier hébergé par Archive-Host.com

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.