Falta de sinal da UNITEL há quatro dias desgasta kimbelenses

Por Alfredo Dikwiza

Uíge, 21/04 (Wizi-Kongo) – Há quatro dias e algumas horas, funcionários públicos e privados, bem como naturais residentes no município de Kimbele, 260 quilómetros a nordeste da cidade do Uíge, encontram-se desgastados por verem privado o sinal da operadora móvel UNITEL, impossibilitando-os de efectuarem as suas comunicações com o resto da região, do país e do mundo, quer por voz, quer por dados.

Na sexta-feira (16/04), às 14 horas, foi o último dia que o sinal deu adeus, ou seja, deixou de transmitir a funcionalidade a nível da circunscrição de Kimbele. Nos últimos dias que estão sem o sinal, os munícipes, funcionários públicos/privado e outros, para quem quiser obter os serviços da aludida operadora é obrigado a percorrer na ida e volta 60 quilómetros, isto é, 30 na ida e outros 30 de regresso, cujo ponto do alcance do sinal da UNITEL é a comuna de Makokola, município de Milunga.

Do Uíge, nesta terça-feira (20/04), saíram dois técnicos cujo destino era o município de Kimbele com objectivo de restabelecerem o sinal. Depois que chegaram na vila de Kimbele, mantiveram um breve contacto com as autoridades da administração municipal, de seguida, dirigiram-se ao local onde encontra-se instalada a antena, permaneceram-no por algum tempo e, dai saíram de regresso a cidade do Uíge, sem terem que dar satisfação a ninguém, muito menos voltar o sinal a normalidade.

Este ano, o sinal no município de Kimbele apresenta várias restrições, com dias sim, dias não. Há momentos que faz um ou dois dias sem o sinal e por si restabelece, mesmo sem a intervenção dos técnicos, desta vez, os dias da queda do sinal ultrapassam do habitual e pelo contrário, mesmo com a presença dos técnicos, a situação continua”, disse hoje, quarta-feira, ao Wizi-Kongo (via telefone), Kanguro Bindanda, munícipe de Kimbele, a partir da comuna de Makokola, novo palco da paragem telefónica dos kimbelences.

Desde a última terça-feira (20/04), sabendo da situação que se passava em Kimbele, o portal Wizi-Kongo, procurou manter contactos com a direcção desta empresa de comunicação na cidade do Uíge, mas não obteve sucessos, cujos motivos legados foram de que o responsável não estava em condições por momento de conceder entrevista.

Entretanto, Kimbele, faz parte do quarteto dos municípios da província do Uíge com maior números de habitantes, apar do Uíge, Negage e Makela do Zombo. A circunscrição do reinado do rei Mwana Uta, é constituído pela comuna-sede, aliada as comunas do Kuango, Icoca e Alto Zaza. Possui uma população de 129 mil 396 habitantes, segundo os dados do censo realizado em 2014.

Comentário

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.