Polícia Nacional detém cidadã por rapto de recém-nascido no Uíge

Uíge – A cidadã Inês Samuel Jorge, de 27 anos de idade, foi detida pela Polícia Nacional, no município de Mucaba, por suposto rapto de um recém-nascido, ocorrido a 31 de Dezembro de 2018, no bairro Sonangol, na cidade do Uíge.

A suposta autora do crime foi detido depois de uma denúncia da mãe da criança, Madalena Dias, ao Serviço de Investigação Criminal (SIC).

É acusada de, ter levado, sem autorização, o menor para o município de Mucaba, a 64 quilómetros a Norte da capital da província.

Segundo o chefe do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa da Delegação do Ministério do Interior no Uíge, Domingos Matias, feita a denuncia, os operativos do SIC começaram as diligências que levaram a detenção da suposta autora do crime, estando o processo a decorrer o seu curso normal até a apresentação ao Ministério Público.

Entrevistada pela imprensa, a mãe do bebé, de 40 anos de idade, disse que a raptadora, desconhecida dela, teve contacto consigo fora da maternidade, a 27 de Dezembro, quando recebeu alta, tendo ela a acompanhado até a sua casa, no bairro Sonangol, onde ficou durante três dias fazendo companhia a senhora Madalena Dias, que reside com esposo e sete filhos.

Via Angop

Comentário
Fichier hébergé par Archive-Host.com

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.