ONG REMOVE MAIS DE DOIS MIL ENGENHOS EXPLOSIVOS NO UÍGE

Uíge – Dois mil e 504 engenhos explosivos foram removidos na província do Uíge, de Abril de 2017 ao mesmo mês de 2021, pela Organização não Governamental “Ajuda Popular da Noruega” (APN),

A informação foi prestada, nesta segunda-feira, à ANGOP, pelo gestor adjunto do programa da APN em Angola, Joaquim Costa.

O responsável explicou que os engenhos foram removidos nos municípios do Negage, Sanza-Pombo, Quitexe, Maquela do Zombo, Milunga, Bungo, Ambuila, Púri e Quitexe.

Entre os engenhos removidos, numa área de três milhões e 200 mil metros quadrados, constam minas anti-pessoal, anti-tanque, minas não detonados e munições ligeiras.

Informou que para as actividades de desminagem na província do Uíge, a organização conta com financiamento dos governos da Noruega, Reino Unido, Japão, Bélgica e de algumas fundações.

Durante o período em referência, foram realizadas, nos municípios de Ambuíla, Maquela do Zombo, Milunga, Quimbele, Sanza-Pombo e Quitexe, 98 sessões de sensibilização sobre o risco de minas, tendo beneficiado nove mil e 100 adultos e crianças.

A ONG internacional Ajuda Popular da Noruega trabalha em Angola desde 1995, tendo como foco a desminagem, destruição de engenhos explosivos e educação sobre risco de minas.

Fonte: Angop

Comentário

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.